Estratégia de internacionalização de empresas brasileiras: destino Angola

mapa angola 2Durante recente viagem para Angola tive a oportunidade de coletar informações para responder à seguinte pergunta: dentre as opções de internacionalização das empresas multinacionais brasileiras, quais seriam os melhores mercados em função de oportunidades de negócios, geopolítica, economia internacional e aspectos culturais?

Este tipo de discussão é comum entre internacionalistas que costumam avaliar como principais mercados para o Brasil a América Latina, os Estados Unidos, a União Europeia e a Ásia. Porém, em se tratando do mercado angolano, empresas brasileiras possuem muitas vantagens competitivas frente às multinacionais de outros países. Deste modo, multinacionais brasileiras devem considerar Angola como um parceiro comercial muito importante em função de um posicionamento estratégia único e difícil de ser copiado por outras empresas.

Em relação ao seu crescimento econômico, Angola apresenta um dinamismo sem precedentes porque tem vivido um período de transformação muito rápida em função de sua taxa média de crescimento de mais de 10% na última década. Este crescimento ocorre principalmente devido às exportações de petróleo para a China, dado que este país africano o 10º maior exportador de petróleo do mundo e um dos principais fornecedores de petróleo para o gigante asiático.

Para nortear a discussão sobre a oportunidade de internacionalização de empresas brasileiras, vale a pena utilizar o modelo de CAGE de avaliação de diferenças entres dois países. Este modelo foi desenvolvido pelo Professor Pankaj Ghemawat e leva em conta as “distâncias” culturais, administrativas, geográficas e econômicas entre vários países. Seu uso permite comparar as vantagens estratégicas de vários países em relação a um mercado específico. Segundo o acadêmico, o conceito de “proximidade” entre dois países está baseado nas “distâncias” entre eles, a saber: culturais (língua, etnias, religião), administrativas (laços coloniais, blocos comerciais, hostilidade política), geográficas (distância física, fronteiras geográficas, fuso horário e clima), e econômicas (recursos financeiros, humanos, infraestrutura, informação ou conhecimento). A Tabela 1 apresenta a matriz CAGE entre Angola e seus principais parceiros comerciais.

País de origem das multinacionais Distância Cultural Distância Administrativa Distância Geográfica Distância Econômica “Distância” CAGE para Angola 
China Alta Alta Alta Média Alta
Portugal Baixa Baixa Média Baixa Baixa
Estados Unidos Alta Alta Alta Alta Alta
África do Sul Baixa Média Baixa Baixa Baixa
Brasil Baixa Baixa Média Baixa Baixa
França Alta Alta Média Alta Alta
Reino Unido Alta Alta Média Alta Alta
Bélgica Alta Alta Média Alta Alta
Países Baixos Alta Alta Média Alta Alta
Índia Alta Alta Alta Alta Alta

Tabela 1: Modelo CAGE aplicado a alguns países em relação a Angola.

Nota-se que o Brasil possui alta proximidade com Angola, juntamente com Portugal (país colonizador) e África do Sul (potência econômica regional fronteiriça). Porém, quando se analisa os principais exportadores para o mercado angolano, se nota que o Brasil possui papel muito discreto enquanto parceiro comercial. A Figura 1 apresenta os principais países exportadores para Angola.

grafico pizza

Quando se leva em conta a proximidade medida pelo conceito CAGE e a relevância econômica do Brasil para Angola, se percebe que este país africano oferece enorme oportunidade de internacionalização para empresas multinacionais brasileiras porque, apesar do razoável tamanho de sua economia e da “proximidade” com Angola, o Brasil é apenas o 5º maior exportador para este país lusófono. A Tabela 2 mostra esta oportunidade de modo ainda mais intenso porque apresenta a adequação da pauta de exportações brasileiras em relação aos produtos importados por Angola. Esta informação sugere que o Brasil exporta mais de 50% dos itens importados pelo país africano, porém a quantidade destes itens ainda é bastante reduzida. Por exemplo, apenas 2,9% do mercado de itens de ferro e aço são fornecidos por empresas multinacionais brasileiras.

Importações Angolanas 2012

US$MM

Exportações Brasil para Angola

US$ MM

%

Máquinas mecânicas e elétricas

5.180

Máquinas mecânicas e elétricas

70

1,3%

Automóveis

1.580

Automóveis

67

4,3%

Carnes e preparados

830

Carnes e preparados

352

42,4%

Itens de ferro e aço

1.900

Itens de ferro e aço

55

2,9%

Móveis

640

Móveis

60

9,4%

Demais produtos

9.370

Demais produtos

536

5,7%

Total

19.500

Total

1.140

5,8%

Tabela 2: Comparação pauta de importação de Angola com a pauta de exportação brasileira para este país. Fonte: MRE, Governo do Brasil, 2012.

Em relação à área de serviços, o cenário que se apresenta é similar. Segundo dados do documento “Angola em Números 2012”, publicado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) de Angola, o país apresenta as seguintes necessidades nas áreas de saneamento, infraestrutura e educação:

  1. Saneamento básico: 58% da população não possui acesso à água potável;
  2. Infraestrutura: péssimo estado de estradas e oferta limitada de moradias (sobretudo devido à guerra civil que devastou o país entre 1975 e 2002);
  3. Educação: 94% da população não possuem escolaridade superior e 20% dos Angolanos com seis anos ou mais nunca frequentou escola

mapa brasil angola

Algumas das multinacionais brasileiras mais importantes são exatamente dos setores de infraestrutura (Odebrecht, Camargo Corrêa, Andrade Gutierrez, Votorantim, Gerdau e Tigre), alimentação (BRF e JBS), educação superior privada (Kroton-Anhanguera, o 2º maior grupo de ensino superior privado do mundo) e de equipamentos elétricos (WEG). Estas empresas podem aproveitar suas vantagens competitivas únicas, em relação às multinacionais de outros países, e acelerar seus processos de internacionalização ao buscar um mercado que apresenta menores barreiras às empresas do Brasil do que às multinacionais de outros países. Como consequência, dado a estabilidade política em Angola, seu crescimento vigoroso e suas oportunidades de mercado, as empresas brasileiras poderão intensificar seus processos de internacionalização ao desenvolver parcerias econômicas, estender suas cadeias de suprimentos e abrir bases operacionais neste promissor país africano.

 Deixo aqui algumas perguntas para os leitores mais inquisidores

  1. Qual sua avaliação sobre a ferramenta CAGE? Quais seriam suas deficiências?
  2. Quais seriam outros países ainda pouco atendidos pelas empresas multinacionais brasileiras? 

link para mapa Brasil-Angola aqui

Anúncios

12 comentários sobre “Estratégia de internacionalização de empresas brasileiras: destino Angola

      • Lucas Junior Teodoro disse:

        Eu estudo Engenharia na UFRJ e numa aula recente nos foi perguntado onde seria interessante para o Brasil realizar investimentos. No momento eu citei a países estratégicos da América Latina, mas considerando a ferramenta CAGE a Angola é um mercado ainda mais atraente conforme mostrado em seu artigo.
        Realmente muito interessante.

        Abraços
        Lucas Teodoro

        • Olá Lucas, obrigado pelo teu comentário. Fico contente que o artigo tenha te ajudado. A América Latina continuará sendo uma região importante para o Brasil, dado suas fronteiras e integração econômica. Meu objetivo com o artigo é despertar o interesse de multinacionais brasileiras em outros mercados, de modo a ampliar o leque de decisões. Em breve publicarei material sobre oportunidades adicionais para multinacionais brasileiras. Caso você tenha interesse em sugerir algum tópico, não hesite em entrar em contato. Abs, E.K.

    • Olá Ane,

      a tabela 1 é uma versão muito simplificada da utilização da ferramenta; eu mesmo a montei utilizando dados sobre os países do fontes confiáveis tais como Banco Mundial (estágio econômico), afinidades culturais e geografia (ONU), por exemplo. Espero que tenha ajudado. Não hesite em entrar em contato em caso de haver alguma dúvida ou sugestão de tema. Abs, E.K.

  1. Márcia Júlia disse:

    Olá, você me passa teu e-mail? estou fazendo meu TCC sobre internacionalização (Angola Brasil), preciso de algumas dicas tuas.
    Obrigada,
    Aguardo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s